Menu


Apesar do sinal positivo de Guillermo Calleri, pai e representante do atacante, o acerto é visto como difícil. O principal obstáculo são os investidores que pagaram cerca de R$ 40 milhões para tirá-lo do Boca Juniors, da Argentina, no final de 2015. O grupo não vê com bons olhos o retorno ao futebol sul-americano, temendo que Calleri ficará desvalorizado para o mercado europeu em futuras negociações.

 São está correndo atrás de investidores para tentar a possível volta de Calleri ao tricolor paulista.

CALLERI QUER JOGAR NO SÃO PAULO EM 2017


Apesar do sinal positivo de Guillermo Calleri, pai e representante do atacante, o acerto é visto como difícil. O principal obstáculo são os investidores que pagaram cerca de R$ 40 milhões para tirá-lo do Boca Juniors, da Argentina, no final de 2015. O grupo não vê com bons olhos o retorno ao futebol sul-americano, temendo que Calleri ficará desvalorizado para o mercado europeu em futuras negociações.

 São está correndo atrás de investidores para tentar a possível volta de Calleri ao tricolor paulista.

Nenhum comentário